Curiosidades

Revista Nippop - Meu projeto de TCC

08:00


Com a derrota do Japão na 2ª Guerra Mundial, o exército americano ocupou Tóquio. E logo tudo o que era desprezado pelos japoneses, passou a fazer parte do seu cotidiano, como a música, o cinema, os ícones americanos e assim por diante. Mas os japoneses são criativos, das influências estrangeiras eles criaram algo único com base nos seus costumes.

A cultura pop é baseada em consumo, logo é um fenômeno cultural e comercial. E o pop japonês é cada vez mais apreciado aqui no ocidente.

As histórias em quadrinhos, os desenhos animados e os videogames, foram as primeiras mídias japonesas a fazer parte do cotidiano ocidental. Mas o pop japonês envolve diversos componentes, como cinema, novelas, música, moda, comportamento, consumo, entre outros. E essa cultura já está difundida pelo mundo todo. 


A ideia do meu projeto era criar uma revista, cujo tema aborde diversos elementos dentro da cultura pop japonesa, pois não há variedade de conteúdo impresso disponível atualmente. Principalmente, revistas que atendam às necessidades do público jovem-adulto. Além do fato de que, o foco dos impressos atuais está apenas o anime, não dando muito destaque para os outros elementos.

A única revista que aborda outros assuntos é a Neo Tokyo, só que a revista inteira é diagramada em três colunas o que a torna monótona, e em algumas páginas, é possível ver o problema de legibilidade causada pela textura, e apesar de ser barata, a Neo Tokyo é impressa em um papel mais simples, mas que deixa a impressão com baixa qualidade.

Além dessas razões, o fato de eu adorar a cultura japonesa
me fizeram escolher este tema para o projeto.

Depois de 196 páginas de muito suor para fundamentar meu projeto e mais 100 páginas para diagramar a revista.... Apresento à vocês a Nippop (não tive muito tempo para pensar num nome e usei o mesmo que tinha feito aqui).



Gostaram? ♥

Gatos

Conheça Luna, minha gatinha endiabrada

08:00

Há quase 1 ano apresentei aqui a Selina, minha gatinha lady, linda e maravilhosa. E hoje, apresento à vocês sua nenêzinha (que já não é tão nenê) e a mais nova membro na família, Luna - a endiabrada. 

A Luna não tem um início de história triste como a Selina, afinal de contas, ela nasceu no conforto da minha cama (é... pois é.. haha). A coisa mais triste é que ela perdeu um irmãozinho cedo demais. De quatro apenas três sobreviveram no nascimento.



Nasceram três gatinhos brancos antes da Selina querer sair do quarto. Pensei que tivesse acabado por aí, mas algo dentro de mim me dizia que tava pra vir mais. Eu dormi na casa do meu namorado e deixei ela com a minha cama, de manhã (cedo) quando voltei e entrei no quarto uma surpresa. No meio dos branquinhos tinha uma pretinha.

AIIIIIIIIIIII MEEEEEEU CORAÇÃÃÃÃÃO!

Eu sempre quis uma gatinha preta, mas claro, eu não poderia ficar com UM FILHOTINHO QUE FOSSE. A Selina já era demais para o meu pai permitir. Como meu namorado estava para se mudar eu disse:

- Amor, você, filhotes, fica!
- ?
- Sim!
- Ok!

Mentira, nem foi desse jeito. Eu nem lembro como aconteceu, mas combinamos que ele ficaria com a pretinha (ele queria todos os filhotes, mas aí era demais). Mas ele demorou um pouco para se mudar e a moral da história é a seguinte:

- Você não ia dar a gata pra quando ele se mudasse? - Disse meu pai com desconfiança.
- Ah! Já faz tanto tempo... não quero separá-las agora. Olha como elas gostam de ficar juntas.

Como ele não falou nada, ela oficialmente é minha. Mas, de vez em quando, as duas passam um tempo na casa do meu namorado (guarda compartilhada? haha).



CURIOSIDADES

  • seu nome é Luna por causa da Luna de Sailor Moon. 
  • ela adora brincar com o tapete.
  • gosta de trazer barata pra dentro de casa (urgh!).
  • não gosta muito de ficar no colo.
  • é escandalosa (muito escandalosa) quando quer comida, carinho & usar o banheirinho.
  • se você a ignora quando ela tá se esfregando nas suas pernas, ela te morde (às vezes bem forte).
  • ela brinca tanto, mas tanto, que não para nem quando tá ofegando que nem cachorro.
  • enquanto a Selina adora cordão, a Luna gosta de bolinhas.
  • na verdade, qualquer coisa que você jogar, ela pega.
  • enquanto a Selina é toda delicada pra fazer as coisas, ela é molecona. Sobe em tudo, derruba tudo e depois sai como se não tivesse feito nada de errado. 
  • dos filhotes, a Luna foi a última que aprendeu usar a caixa de areia. (limpei muito xixi em local inapropriado)
  • ela ainda mama (só não tem mais leite).  

Espero que tenham gostado de conhecer minha neguinha,
apesar de atentada ela é muito maravilhosa! 


Mais acessados

Curta no Facebook

Twitter