A vista do outro lado da janela

10:19

Essa história é a mesma que "A música que nunca ouvi". Mas como me pediram para escrever o ponto de vista da garota, cá estou eu. Fiquei muito feliz com os comentários no texto anterior, então muito obrigada. Escrevi um pouco mais neste, mas espero que gostem tanto quanto o outro. 

Imagem Original (via)

Quase não saía de casa, meus pais eram bem rígidos quanto a isso. Eu queria muito sair, respirar o ar puro e andar descalça na grama. Mas isso era impossível para mim, eu era uma dama. Só tinha ido à escola algumas vezes quando era criança, mas acabei brigando com outra menina e meus pais me obrigaram a estudar em casa.

Eu me sentia solitária, a única coisa que me consolava era o enorme piano de cauda que ficava na sala, esse veio de geração a geração até chegar as minhas mãos. E eu amava tocá-lo. Ele ficava perto de uma enorme janela, as coisas naquela casa eram sempre grandiosas, mas pela primeira vez fiquei grata por termos uma janela tão grande e que dava para o jardim, podia tocar e imaginar a sensação que era estar entre as roseiras.

Mas havia algo, além do meu piano, tinha uma pessoa que me acompanhava de longe. Não sei dizer a quanto tempo ele me observava, mas ele sempre estava lá. Ao lado da nossa casa fora construído um prédio muito luxuoso, não faz muito tempo que foi inaugurado, então ele podia ser novo ali. 

Por sorte ou destino sua janela não era muito longe, ele deveria ter uma visão privilegiada da sala. Mas acho que ele nunca percebeu que a janela acima pertencia ao meu quarto, o que me permitia observá-lo também. Mas eu não podia ver suas expressões e eu queria muito vê-las, esse desejo só cresceu quando percebi sua presença. 

Não queria ser pega olhando para aquele rapaz, por isso, quando chegava ao piano me focava apenas na música e no jardim, mas sempre me pegava sorrindo ao imaginar qual seria sua reação. Porque gostava de me olhar? Será que está apaixonado? Essa palavra soa tão doce para mim, eu precisava ver com meus próprios olhos.

Virei meu rosto em sua direção e o que vi fez meu coração acelerar, ele era lindo e seu olhar surpreso ao me ver fez com que eu sorrisse ainda mais, queria gravar aquele momento em meu coração. Alguém realmente estava prestando atenção em mim e de uma maneira tão adorável que doía o fato de eu não poder sair e falar com ele. Eu já não estava mais contente em apenas observá-lo de longe.  

Devo ou não devo continuar? Só depende de vocês. Sugestões ou críticas, podem me mandar um e-mail ou deixar nos comentários, vou adorar ler. 

Você pode gostar também

42 comentários

  1. nesses momentos sinto inveja desse povo que faz textos lindos :'(

    ResponderExcluir
  2. vc escreve super bem eu sempre quis saber escrever assim sabe envolver as pessoas com texto e vc com toda certeza conseguiu isso de mim

    ResponderExcluir
  3. Nossa que interessante, um texto super envolvente e a história instigante, continua sim

    ResponderExcluir
  4. Adorei a escrita, vai publicar?
    Super sensível e poética

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Lilian, não tenho intenções de publicar além do blog.

      Excluir
  5. Oi!
    Esse texto ficou muito melhor que o anterior. Não que eu não tenha gostado do outro, é só que preferi o ponto de vista da menina.
    Já apoio a começar a escrever essa história mais a fundo.

    Beijos
    http://ummundochamadolivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Gustavo, entendo. Fico feliz que tenha gostado mais. Posso pensar a respeito ;)

      Excluir
  6. Que texto incrível!
    Achei o seu blog anotado em um papel dentro da minha agenda. Acho que eu nunca tinha visitado antes. Bom, que bom que eu entrei. Eu adorei essa história, adoraria que você continuasse.
    Beijo!

    Último Biscoito | www.ultimobiscoito.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É mesmo? Fico feliz que tenha gostado! Espero que volte mais vezes e muito obrigada! ♥

      Excluir
  7. Que lindo!
    Adorei esse texto também!
    Gostaria que continuasse :3
    Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Claro que deve continuar!!!! Os textos são muito bons. =D Beijossss

    ResponderExcluir
  9. Lindo o texto, parabéns!
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  10. Olá!
    Adorei seu texto, é bem profundo. Continue escrevendo e nos encantando :)

    Beijos
    http://www.breakingfree.blog.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada, eu pretendo mesmo continuar! ♥

      Excluir
  11. Que lindo, Mariana. Se vc deve continuar? Pelamor, pq é que já não continuou? HUAhahahahuahu

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Awn Amanda, obrigada. Não achei que você gostasse dessas histórinhas mais fofinhas, fiquei muito feliz ♥

      Excluir
  12. E a gente lê e fica se perguntando, ei, ei, cadê o resto? rsrsrs
    Continue.

    LETRAS COM CAFEÍNA

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Haha, vou tentar me inspirar para a continuação ♥

      Excluir
  13. Puta merda, claro que deve continuar mulher, quero, preciso saber se eles se falarão <3 sou uma romântico incorrigível. Você escreve muito bem <3

    PS:Desculpe o palavrão :3

    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Haha, imagina mulher, meu blog é meio "fofo" mas falo tanto palavrão quanto você, só não escrevo aqui. Mas seu comentário me deixou bem motivada a continuar! <3

      Excluir
  14. Claro que deve continuar menina, adorei o texto, você tem muito talento, parabéns.

    Beijos.
    Leituras da Paty


    ResponderExcluir
  15. Mariana, seu texto é muito bonito e bem construído.
    Na minha opinião você deve continuar escrevendo sim.
    Investe nisso. :)

    Lisossomos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não sei se deveria investir nisso, mas fiquei contente com seu comentário. Muito obrigada! Beijos.

      Excluir
  16. Claaaro que tem que continuar, vai me deixar aqui sofrendo?
    Na na ni na nããão, escreva logo hehehe

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hehe, não é essa minha intenção. Espero conseguir fazer uma continuação melhor do que esta! ♥

      Excluir
  17. Me fez lembrar da época que eu escrevia textos com essa temática.
    Me fez até ter vontade de voltar a escrever kkk
    Ficou muito bom. Parabéns .
    bjs bjs

    ResponderExcluir
  18. Você deve continuar sim, e contar pra gente o resto dessa história. rsrsr

    ResponderExcluir
  19. OI Mariana!
    Acho que não li o primeiro conto, mas ao ler esse tenho que dizer: CONTINUA!! Não me deixa curiosa assim não, você escreve muito bem *---*
    beijos

    LuMartinho | Face

    ResponderExcluir
  20. Olá, tudo bem?
    Seu texto está muito lindo, eu adorei. Acho que você tem um dom e deve continuar sim! *-*
    Muito fofo, parabéns!
    Beijos <3

    ResponderExcluir
  21. Parabéns!
    Seus textos são lindos!
    Beijos!
    www.lindaestante.com.br

    ResponderExcluir
  22. Olá! Tudo bem?

    Gostei muito do texto. Se você deve continuar? Com certeza!
    Já pensou em escrever no WattPad?

    Abraços,
    Ludy
    http://nodivacomaspalavras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  23. Oi, tudo bem?
    Que texto lindo! Espero ler outros aqui...
    Bjs

    A. Libri

    ResponderExcluir
  24. Miga, continua, transforma em livro e manda pro nosso blog resenhar porque eu quero ler beijos <3

    ResponderExcluir
  25. Oii Fofa ^^

    Amei a história! Continua a escrever pois você tem muiiitooo talento!! Se você decidir escrever um livro (se continuar a história ) me manda! Ficarei muito feliz em ler ^^^

    Beijos, Amanda
    www.vicio-de-leitura.com

    ResponderExcluir
  26. Olá. Gostei muito da sua escrita. Tão envolvente e simples, gostosa de ler.
    Espero que continue escrevendo, obviamente.
    Beijos e muito sucesso!

    ResponderExcluir

Mais acessados

Curta no Facebook

Twitter